Certificação internacional da UCI
Celino Cunha Vieira (Português)
Viernes, 23 de Octubre de 2015

Celino Cunha Vieira - Associação Portuguesa José Marti / Cubainformación.- Como parte do processo das transformações sociais e educacionais em que Cuba tem estado envolvida nos últimos anos com vista a elevar o nível cultural da população e a sua qualidade de vida, surge em Setembro de 2002, por iniciativa do Presidente Fidel Castro, a Universidade de Ciências Informáticas, contando no seu primeiro ano de vida académica com mais de 2000 estudantes e cerca de 300 professores, estendendo-se hoje por 14 Centros de Desenvolvimento de Software que acabam no seu conjunto de ser acreditados como Produtores Internacionais, após um rigoroso processo de avaliação.

Fidel, com a sua extraordinária visão do futuro e antevendo as necessidades que o país viria a ter sofrendo de um bloqueio económico, comercial e financeiro, recomendou que a nova Universidade fosse concebida como um Centro de Investigação de alcance nacional e dando especial atenção a tarefas concretas no projecto de informatização do país, com especial ênfase para a produção de software. 

Ao mesmo tempo que se desenvolviam as actividades académicas foram sendo ampliadas as suas instalações de modo a criar melhores condições de trabalho, transformando-a numa Cidade Digital Avançada com capacidade para mais de 20.000 pessoas, formando o capital humano especializado na investigação e desenvolvimento de programas para a sociedade cubana e para a cooperação com outras nações, como contributo para um mundo melhor, necessário e possível. 

A Certificação Internacional agora conquistada, representa o reconhecimento do trabalho de uma vasta e dedicada equipa que já formou mais de 13.500 jovens engenheiros que se encontram a trabalhar em vários pontos do país e até alguns no estrangeiro, sendo reconhecidos como excelentes profissionais capacitados para os mais variados desafios desta actividade em constante evolução. 

Hoje a UCI também se dedica à produção e comercialização de software, inserindo-se paulatinamente nesta complexa e concorrencial indústria mediante convénios com empresas nacionais e estrangeiras, podendo finalmente exibir o seu Certificado de Qualidade, o qual lhe confere o direito a ombrear com outras instituições congéneres e de igual prestígio, tendo protocolos com mais de 60 Universidades espalhadas por 18 países e fazendo parte de organismos internacionais, como o Centro Latino-americano de Estudos em Informática e a União Internacional de Telecomunicações. 

Esta distinção que muito deve orgulhar os cubanos e em especial o seu mentor Fidel Castro, não constitui uma meta mas sim o princípio de um ciclo em que a Universidade de Ciências Informáticas de Cuba partirá para o desenvolvimento de novos projectos, respondendo à política nacional de informatização de todos os serviços e de apoio à população, atendendo ao incremento constante destes meios em locais oficiais e particulares. 

Também nesta área científica Cuba está na vanguarda e a UCI, todos os seus colaboradores e estudantes estão de parabéns.

 

Lo último

01 de Octubre // 08:24
documentales-de-hernando-calvo-ospina-en-la-casa-de-la-solidaridad-en-estocolmo Comité Internacional Paz, Justicia y Dignidad a los Pueblos - Capítulo Suecia.- El viernes 27 de septiembre, la Asociación[...]
01 de Octubre // 08:10
bartolome-sancho-desmonto-tesis-sobre-crisis-humanitaria-en-venezuela-y-cuba Gerardo Moyá Noguera - Casa de Amistad Baleares-Cuba.- Bartolomé Sancho, periodista balear residente en La Habana y presidente de Honor de la[...]
01 de Octubre // 07:23
nueva-propuesta-literaria-cuba-frente-al-buen-vecino-entre-el-contrato-y-la-herejia Cubadebate.- “Cuba frente al buen vecino. Entre el contrato y la herejía”, libro del ingeniero y periodista Iroel Sánchez, será presentado el[...]
Revista
Lo + leido
Recomendamos